sexta-feira, 27 de novembro de 2009

A Casa Saudável

Criando um ambiente Saudável

Por se tratar de uma doença crônica, portadores de alergia necessitam de cuidados constantes principalmente no que diz respeito ao habitat moderno onde a poluição, o aquecimento global, os ambientes fechados e climatizados, os produtos feitos com substância antes inexistentes, o tabagismo, o estresse e principalmente a nossa casa e o nosso quarto onde passamos a maior parte de nosso tempo representam riscos constantes que podem agravar mais ainda a doença.

O mobiliário deve ser simples, com bordas lisas e de fácil limpeza. Utilizar móveis leves e versáteis. Sofás de couro, vinil ou plástico (livres da emissão de compostos orgânicos voláteis – COVs); tapetes pequenos (de preferência antialérgico) fáceis de lava; estantes fechadas, com portas de vidro; persianas e cortinas leves, de preferência no sentido vertical, que dificultam o acumulo de poeira e são mais fáceis de limpar; poucas almofadas com capas de zíper. Evite detalhes que possam acumular poeira nos rodapés, portas e alisares.

Evite: estofados de tecido; carpetes e tapetes difíceis de tirar; estantes abertas, cortinas grandes e com muitos detalhes; muitas almofadas difíceis de lavar; mobiliários com tecido e entalhados.

Na escolha das cores opte por tons claros que tem benefícios capazes de proporcionar conforto mental e que são mais reflexivas aproveitando melhor a luz natural. Evite superfícies rugosas que além da dificuldade de limpeza e manutenção, irradia a luz para diferentes direções e muitas vezes causam auto-sombreamento.

Como a sala geralmente é o cômodo mais amplo da casa, dois elementos são de vital importância: a iluminação e a ventilação. O primeiro pode envolver a insolação direta ou não. O importante é manter o ambiente claro evitando o aparecimento de certos componentes alérgicos dentro da casa. Como vimos anteriormente, quando falamos sobre a iluminação, que a luz pode ser utilizada até no combate a depressão. Combinada com uma boa ventilação torna o ambiente desfavorável para a proliferação de ácaros e fungos e ajuda no fortalecimento do sistema imunológico. Janelas de correr com panos, de vidros grandes ou basculantes são as mais indicadas. A primeira oferece uma entrada de ar direta, enquanto que as segundas promovem ma ventilação lateral com movimento circular no ambiente.

Na hora de escolher o tipo de piso, a sugestão é a utilização de materiais mais fáceis de limpar e manter a higienização do ambiente. Pisos de cerâmica e pedras são os mais aconselháveis, embora existam no mercado os carpetes com fios sintéticos de náilon mais fechados e menos ásperos, que acumulam menos poeira e que facilitam a manutenção.

A limpeza de todos os ambientes deve ser feita diariamente, com água, sabão e produtos de limpeza adequados. Evitar produtos com odoro ativo, como os derivados de amoníaco. Evitar o uso de vassouras, espanadores e aspiradores que não tenham filtros para reter partículas bem pequenas.


Autor:
MALAQUIAS, Volnei Gonçalves, 2007, p.49-51 - Monografia do Curso de Pós Graduação em Design de Interiores: Casa Saudável – Um Conceito de Moradia para Alérgicos. (o texto integral está na biblioteca da Universidade Veiga de Almeida / Campus Barra da Tijuca, RJ)

Nenhum comentário: